O Tecido da Vida
Resgate, Reconciliação e Redirecionamento do caminho e do sentido da vida.
 
Mudar o que precisa ser mudado,
Aceitar o que não pode ser mudado,
Ter a sabedoria de distinguir entre um e outro.

 
O processo artesanal de confecção de um tecido retratando a própria vida é uma atividade terapêutica que visa o resgate, a reconciliação e o redirecionamento do caminho e do sentido da vida.
 
Esse processo nos permite:
- tomar consciência dos elementos fixos de nossa vida, daquilo que nos foi dado e que não podemos mudar;
- fazer as pazes com esses elementos, já que não podem ser mudados, e evitar perder tempo brigando com eles;
- resgatar memórias de nossa vida: eventos, sensações, sentimentos, emoções, etc.;
- descobrir materiais capazes de representar esses eventos, sensações, sentimentos e emoções, em função de suas cores e texturas;
- contemplar o percurso já realizado e, olhando com distanciamento, refletir sobre ele;
- fazer escolhas mais conscientes e mais construtivas, para prosseguir na concretização de um percurso mais condizente com nossa vontade esclarecida e com o propósito de nossa visa.
 
Em todas as épocas e culturas, o tear teve e tem um significado simbólico. A urdidura, formada pelos fios esticados verticalmente sobre o tear, representam os elementos imutáveis da vida e uma ligação com a Fonte; por sua vez, os fios da trama, que passam horizontalmente entre os fios da urdidura num movimento de vai e vem, representam o que é variável e contingente, o caminho construído por aquele que tece e por aquele que vive.
 
No oriente, os livros tradicionais são freqüentemente designados por termos que, no seu sentido literal, se relacionam à tecelagem. Por exemplo, sûtra significa "fio". Um livro pode ser formado por um conjunto de sûtras, assim como um tecido é formado por um conjunto de fios. Tantra tem igualmente o sentido de "fio" e o de "tecido", e designa mais precisamente a "urdidura" de um tecido. Em chinês, king é a urdidura de um pano e um livro fundamental, enquanto wei é a trama do tecido e os comentários do livro.
 
De certa maneira, o tecido da vida apresenta esses dois aspectos, é ao mesmo tempo tecido e livro da vida daquele que o realiza.
 

Conto: Açoes e destinos - Índia
 
Conto: O homem sem sorte - Armênia
 
Conto: O homem com sorte - China